18.10.12

Confesso que fiquei com um nó na garganta...

A propósito desta reportagem, a propósito desta realidade.

3 comentários:

Shoe girl disse...

É uma realidade a que assistimos cada vez mais. Também a namorada do meu irmão emigrou para França e também ela é enfermeira.

Passos Coelhos pediu e os jovens emigraram. Não por opção mas por necessidade... E é isso que é mais triste...

Jo disse...

Shoe Girl, exacto... este rapaz vai com óptimas condições lá, pelo que parece, com um bom ordenado, não é isso que está em causa. A questão é ir porque tem que ser e não porque escolheu ir. Não é uma realidade que quero para mim... e vendo alguém da minha idade nesta situação faz-me pensar que talvez eu tenha que fazer o mesmo um dia.

*C*inderela disse...

Exacto, hoje em dia quase que somos obrigados a emigrar se queremos trabalho digno e com futuro. Isto por cá anda vergonhoso.