16.4.15

O livro que estou a ler #69 [Terminado]



Como vos disse foi a minha estreia com o autor: apesar de já ter lido algumas crónicas, nunca tinha lido um livro dele. Apetecia-me alguma coisa leve e diferente, e acabei por trazer este da biblioteca. E o que vos posso dizer? Não gostei tanto como estava à espera... Esta coisa de ler crónicas atrás de crónicas - o livro tem 300 páginas, portanto muitas crónicas dentro! - não me agradou especialmente. Cheguei a achar até um pouco chato... Umas agradaram-me, outras nem tanto. Mas de um modo geral preferi as da segunda metade do livro. Não digo que seja um livro mau - certamente que se vão identificar com algumas coisas, achar graça a alguns textos, a algumas ideias... - mas parece-me que é uma coisa para se ir lendo, eventualmente até para se intercalar com outros livros...

8 comentários:

FME disse...

Pois eu também tenho essa impressão dos livros de crónicas aborrecem... Deviam juntar menos não era? Talvez ficasse mais agradável a leitura...

Lea disse...

Também tenho ideia que os livros deste senhor se tornam um bocadinho chatos. No entanto, quero ler qualquer coisa dele, um destes dias!

Tete disse...

Sou sincera, nunca li nengum livro dele, só passei os olhos por uma ou outra crónica, muito de fugida.
A sensação com que fiquei foi de que ele é aborrecido.
Mas concordo que livros de crónicas se tornam aborrecidos, porque falta um fio condutor muitas vezes.

S* disse...

Gosto imenso dele, mas só crónicas??

Jo disse...

S*, exacto...

Joana disse...

Intercalar deve mesmo ser uma boa ideia! :)

estrela disse...

pois eu tenho ali um dele e ficou a meio!

Green disse...

Só pelo título, não me cativa.