24.10.16

[há situações em que gostava de ser daquelas pessoas que falam quase sem pensar, que explodem instantaneamente. deve facilitar-lhes a vida em algumas coisas. é que isto de pensar demasiado nas coisas às vezes faz-nos mal. coisas que vamos acumulando e que nos consomem por dentro...]

14 comentários:

Valentina Muniz disse...

Acho que é bom encontrar um equilíbrio. Explodir sempre que algo nos irrita também não é solução.
Beijinho* Confissões de uma Pecadora by Valentina ||
FACEBOOK ||
Croquis - Home Decor

Mari disse...

Faz-nos MUITO mal. Desabafa e esquece... Segue em frente, ao teu ritmo, mas segue :)

Anita disse...

Verdade, tb sou um pouco assim...nao respondo na altura e depois fico com o dia estragado :/

м♥ disse...

Eu sou dessas que explode mas olha que quase sempre dá asneira. Tenho aprendido a controlar isso porque já me ocorreram situações menos boas por ter esta mania de não ficar com nada entalado ou por dizer.

Jo disse...

Valentina Muniz, concordo, por isso é que disse "em algumas situações". ;)

Mari, é mesmo! ;)

Anita, é terrível...

M♥, acredito que não resulte muito bem em grande parte das vezes - daí ter dito "em algumas situações" - mas isto de guardar tudo para nós também não é lá grande coisa... ;)

R disse...

Eu sou muito explosiva e impulsiva e por vezes gostava de ser o contrário, aliás tento sempre achar um ponto de equilíbrio. Ultimamente tenho tentado pensar 2 x antes de dizer ou fazer qualquer coisa. Já cheguei a magoar muita gente por coisas que disse na raiva do momento

Melanie Moreira disse...

Eu sou um pouco explosiva e impulsiva e tentar encontrar um ponto de equilíbrio muitas vezes não é fácil!!

Beijinhos
That Girl

Teresa disse...

Nem oito, nem oitenta! Tenta procurar o meio termo! Por vezes a impulsividade leva-nos a perder a razão!

Mary disse...

Mas também ser assim impulsivo não é nada bom, falo por experiência própria tem gente que me faz ser assim enquanto outros fazem com que fique a remoer o assunto tempos infinitos, o melhor sem dúvida nenhuma é o meio termo, bem sei que é difícil mas realmente é a melhor opção.

Jo disse...

R., também tenho que procurar um "ponto de equilíbrio"... ;)

Melanie Moreira, é mesmo!

Teresa, claro que sim. Foi só um "desabafo" ;)

Mary, um dia chego a esse "meio termo"! ;)

Just Fantasy disse...

Compreendo, a espontaneidade às vezes ajuda, mas também há o lado pior de se ser espontâneo ou impulsivo...

AMOR XXS disse...

Eu pelo contrário, poupei muitas dores de cabeça em tornar-me mais ponderada.

Green disse...

Acho que isso não é propriamente bom, sinceramente.

Jo disse...

Just Fantasy, totalmente de acordo! Foi apenas um desabafo relacionado a uma questão específica :)

AMOR XXS, acredito que sim! Como disse, isto foi apenas um desabafo sobre situações concrectas! ;)

Green, tendo a concordar contigo, mas nestas situações a que me referia acho que me facilitaria a vida... (em certa medida, claro, porque tenho consciência de que há sempre o reverso da moeda e de que haveria de acarretar outras coisas menos boas!)